Série Crônicas - Certo ou Errado?



Certo ou Errado?

Por Allan Garrido

Um dia logo após o almoço Roberto deitara, descansando após uma correria intensa no turno da manhã no hospital Franklin Albert. Roberto é médico e possui duas filhas Laura e Adriane, garotas espertas são o colírio do fechado e impenetrável Doutor.
Vendo o pai descansando logo interrompem seu sono:
- Papai acorda!!acorda papai!!!
Doutor Roberto deu um pulo...
- O que houve meninas? Qual o motivo de tanta gritaria?
- Corre aqui acho que a Dri não está bem...
E de susto seu corpo foi tomado, trêmula ficou sua perna, pensara ele:
- Com minha filha não, Com minha filha não!!!
Recompomdo-se do susto ele foi ao quarto,onde estava Dri, quando chegou à encontrou desfalecida , e no desespero de pai mas no exímio papel de médico tratou de examiná-la e começou a ouvir:
- hihihihihihihi, peguei você , peguei você te enganamos
E Laura ajudando a levantar Adriane logo puxa e comprimenta e diz:
- Boa irmãozoca perfeita atuação!!!
Claro que não é preciso dizer que o tempo fechou e Roberto queria saber o por que da encenação patética que ele acabar de assistir. E logo pega a Laura, a mais velha, pelo braço e solta um grito:
- O que é isso , mocinha, o que você tem nessa cabecinha?
E Laura muito prontamente respondeu:
- Bem, papai, nós apenas estamos fazendo o que o senhor ensinou...
- Como assim o que eu ensinei?
- Ah!! papai o senhor ensinou a não ser tão certinha assim, de vez enquando, se puder passar a perna pode fazer, o senhor contou das suas peripécias no trabalho, do estagiário que você prejudicou, daquele seu cargo que você conseguiu sem mero esforço, pois é papai achei que também poderia fingir que estava tendo um ataque, pelo que você nos ensinou, não seria tão ruim e nem soaria tão falso assim...
Roberto não levantou nem sequer uma vogal que seja recolheu ao banheiro, foi ao seu quarto se trocou e foi embora tomado pela vergonha que assolava seu coração e sua mente, agora pensativa nas escolhas que fez....

Comentários