Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2011

Soneto que tudo Finda

Imagem
Soneto que tudo finda Você é tão linda O encontro tão certo Já cedo me desperto
E topo com seu olhar Nem quero desviar É o caminho que vou seguir E lá irei sumir
E reencontrarei no teu abraço Deitar no teu regaço E colorir meu álbum de pintura Te agarrar pela cintura
Voar feito passarinho E correr de volta pro teu ninho Aconchegado sei que ficarei Sentido coroado feito rei

Brancas Nuvens

Imagem
Poeta Allan Garrido
As brancas nuvens beijam o vento E o sol em plena felicidade Ilumina o dia cinza e o tempo Sem espaço para a saudade
A criança corre contente Soltando pipa no ar A moça suspira sorridente Embalada no verbo de amar
O senhor tece poesia Vendo a musa desfilar Coloca palavras como queria No seu poema pra homenagear
Cai a noite enluarada Todos reunidos pra conversar Esvaziando a mente deixando sem nada Temos muito para falar
A música envolve os corações Aquecidos pela melodia No rádio belas canções Orquestrada sinfonia
E assim valsando vai a o dia Findando por completo O sol passa ser o guia Importante é ter você por perto

ACREDITE!!

Imagem
ACREDITE!! Poeta Allan Garrido
Acredite você é capaz Nunca te desmereça E nem te faça de vítima Levante a fronte  e bendiga tua vida Se esta num momento de dificuldade Olhe ao teu redor Verás que existem pessoas que estão bem pior Nunca deixes que te façam menor Pois você é grande, enorme perante a vida Nunca aches que a outra pessoa é que especial Você também é uma pessoa especial Se caso não fosse, essa pessoa que julgas fora do comum Não estaria contigo em lugar nenhum Acredite você é a luz maior Um farol de deus a guiar teus passos pelo mundo

Achei.......

Imagem
Achei ...!!! Poeta Allan Garrido
Que se eu escrevesse Talvez alguém lesse Pois as palavras que aqui estão Tentam dizer algo para quem faz a leitura Mas esse local parece uma sepultura Ninguém fala nada e não se sabe o que fazer A então da uma raiva de você não ler Dá uma raiva daquelas  De fazer você enfiar o papel goela abaixo Quem sabe quando for no outro dia Você vai ao banheiro e diga:
Achei...!!!!

DIVINO

Imagem
Divino Poeta Allan Garrido

Divino peito que se enche
De paz e prosperidade
Num leve sopro de felicidade
A eclusa e as comportas se abriram

Na vazão a razão estreita de pensamento
As linhas sinuosas e complexas
Indicam o caminho a seguir
Um belo e novo porvir

A aurora agradece encantada
A noite se veste da luz da lua
Iluminada pelo amor que tudo suporta
Parece mais um feitiço de fada

O céu e a terra num consenso
Levando o ar ruim e tenso
Dando as mãos num entendimento
Chove estrelas e o chão aceso

O farol iluminando o mar
Norteando o caminho do navio
Destinado ao novo tempo
O sentimento sublime do amar

Ah! nobre sentir que nos conduz
Feito vela, ouro e tudo que reluz
Estreitando os laços é o que se pede
A flor desabrocha e abre
É a vida que se segue

Série Artigos - A televisão e a cultura no Brasil

Imagem
Por Allan Garrido
É fato de que o que se assiste nos canais televisivos, principalmente, aqui no Brasil esta abaixo do que uma programação confiável e instrutiva deveria ser. Vemos programas apelativos, sangue escorrendo em novelas, séries e até mesmo em desenhos. Não existe em nenhum momento nas grades programacionais algo emque relate a cultura. Programas educativos ficam realmente exclusivos de canais como à tevê Cultura, canal aberto, Futura, canal fechado, apenas para citar os mais conhecidos. Esses dias passando da sala para o meu local de trabalho, deparei com algo assustador, diálogo de um dos desenhos que meus sobrinhos estavam assistindo: - Ei seu imbecil coloque no lugar certo aquele livro - Ou você coloca agora, ou senão irei te matarrrr Pasmem senhores! Desenho para crianças e olha o incentivo a violência, a baixa cultura, abordando xingamentos, em plena luz do dia. Como é que poderemos moldar a nossa sociedade se já desde cedo nossos infantes estão sendo acostumados à esse ti…

Você Chegou

Imagem
Poeta Allan Garrido
Você chegou e pronto Fêz-se um lindo florescer Dias aquecidos pelo teu raio de amor Você é paz que preciso No teu sorriso sincero Pintou um lindo paraíso Pois você me banhou  Com a água mais límpida que existe Daquelas que corre a nascente e persiste E desemboca feito cachoeira Lavando toda a sujeira De tristezas não me cabe mais E agora a alegria é tanta Que não se desfaz Quietinha, e com amor você chegou E trouxe esse sentimento tão sublime E meu copo da paixão transbordou

Série Crônicas

Imagem
A Caixa de Pandora Por Allan Garrido


Bela parte recebida, resmungava, Arnaldo.  Não sei por que cargas d’água você recebeu a maior soma da herança. Ora bolas, logo eu, que sempre estava ao lado dele nos momentos mais difíceis, logo eu , sangue do seu sangue, o filho do grande Doutor Altamir. 


Norma diz:


- Acalme-se querido, olha o seu coração!!!


Resmunga Arnaldo:


- Não enche Norma, acho que seria melhor mesmo que dessa vida eu fosse embora, não sou reconhecido por nada que faço


Norma interrompe:


- Não exagere Arnaldo , seu pai, sempre lhe confiou a empresa , um grande patrimônio e ele não hesitou em entregar ao teu comando


Pensativo, mas não por muito tempo, diz:


- Eu sei disso ainda sou o presidente do grupo Norberto Machado, mas eu queria mais, queria aquela caixa que ele guardava no escritório e que nunca revelou à ninguém


Pergunta Norma:


- Que caixa Arnaldo?


E ele continua...


- Uma caixa que meu velho guardava lá, dizia ele que ali estava todos os segredos, para que pudesse ter sucesso pessoal,…

Bela Fantasia....

Imagem
Bela Fantasia Poeta Allan Garrido
Como transcrever nas linhas e no papel A emoção que se sente no coração E me faz voar até o céu?
Como não chorar de alegria Ao ver que a bela fantasia Se tornou uma realidade
E não uma triste ilusão E uma amarga saudade Como é lindo meu amor
Ao ver como irá desabrochar E as pétalas em conformidade acomodar No bailar daquela doce flor
É assim que te vejo Como o sol que sai e tudo ilumina Foi desse jeito que chegaste em minha vida
E se aninhou no lugar mais perfeito Feito passarinho à procurar teu ninho Foi logo ficando do lado esquerdo do meu peito

Me trouxe paz......

Imagem
Me trouxe a paz...  Poeta Allan Garrido
A paz foi algo que você me trouxe Chegou e logo escancarou a porta Fechada do meu amargurado coração Nem precisou de chave foi logo entrando E ele feliz te aconchegou Agora você não sai mais daqui nem tentando Nem que queira não há como separar As células, da paixão, que correm em meu sangue E naquela transfusão da minha boca colada a sua Trocamos amor intenso é a célula máter da paixão Brilho intenso e radiante feito lindo diamante É você pegou meus sentimentos e feito pedra bruta Lapidou com seu intenso carinho e olhar contagiante Ah!! Quero me envolver e nos teus braços ficar E deitar-me no verbo simples e belo de amar

Série Áudio Programa Pura Poesia- Quadro Momento de Paz

Imagem

Série Áudio Programa Pura Poesia- Coluna Café Cultural

Imagem

Série Áudio Programa Pura Poesia- Coluna Café Cultural

Imagem

Série Áudio Programa Pura Poesia- Quadro Momento de Paz

Imagem

Poetando em outros Idiomas - Lovely Woman

Imagem
lovely woman
flower from my hearth
let me show you
the way
the way of love
forgive me
when i told someday
When the dreams come true
Raining , raining blue
Don't make me go away
I hope someday
I hope see you
Once again
And show my dear
My way
And show my dear
My way

Allan Garrido

O que posso dizer...

Imagem
Allan Garrido
Bem o que posso dizer Sei que no meu andar Teus passos não caminham Mais........ Bem sinto te informar Por mais que tentei segurar Ele escapou do meu peito Feito passarinho levantou as asas E vôou Aproveitou o sopro do destino Correu e foi embora feito menino Mas no desencanto e até no pranto Existe glória pra quem chora E orgulho pra quem sorri Dos momentos intensos Em que vivi Tatuado na minha pele ficou As lembranças fortes dum amor Serenado Feito céu estrelado Fechou o tempo, fechou


Ventos

Imagem
Ventos Poeta Allan Garrido
Ventos soprem ao meu favor Me traga logo esse esperado amor Ao longe teu ruído anuncia E de pronto me propicia
A alegria e o desejo intenso De estar contigo numa ansiedade Jogar pra longe aquela saudade E me despir de todo senso
Me fazer cortejar o teu sorriso De poéticas encher os nossos corações É de tudo isso que preciso Uma valsa linda e daquelas emoções
Pois só você tem o dom De me devorar em vez de me deglutir De me fazer voltar quando preciso ir De fazer do silêncio um lindo som
E no fechar de meus olhos um dia Eternamente quero deitar-me em teus braços Ser sempre tua luz, teu guia E no caminhar me eternizar nos teus afagos

Série Vídeos - Brian McKnight - Love Of My Life

Imagem

Castelo de Sonhos

Imagem
Castelo de Sonhos
Poeta Allan Garrido
Pois acabou  Num momento de tanta beleza Acabou.... Mas não levo nenhuma tristeza Apenas vôou A águia procurou seu ninho Pois enfim terminou Agora irei cuidar de mim mesmo Pois seu castelo de sonhos  Desmoronou Cara princesa se você continuar  Apenas nos sonhos  Sem passar para a realidade Ficará uma eternidade Na vida das ilusões Privando do amor e das paixões Vivendo uma pobre vida Sem experiências adquiridas A vida não é só sonhar É preciso também viajar Pelo caminho tortuoso Da realidade  Caso contrário  Você será sempre uma saudade Que doerá ao lembrar Por isso prefiri me ausentar Adeus , meu grande amor Adeus, não digo até breve Pois quero que logo se encerre Este bater do meu coração Sem ter o teu ao lado Adeus é preciso Levo de ti teu belo sorriso

Série Artigos - O Gosto pela Leitura

Imagem
Por Allan Garrido
A  infância, como sabido, é uma das melhores épocas da nossa vida, se não for a melhor. Descobertas, sentir, expressar um mundo descortina à nossas retinas , cheio de novidades e a criança explora esse universo como um voraz desbravador querendo encontrar seu verdadeiro norte. E nela também que despertamos gostos e paixões e que muitas delas ficaram tatuadas nas nossas apreciações moldando nosso gostar pelo resto de nossas vidas.
O  gosto pela leitura é um leque que se abre nessa fase tão especial de nossas vidas. Incentivos por parte dos pais e parentes são fatores essenciais para que tomemos gosto pelas letras. Gibis, livrinhos infantis tudo se torna um fator preponderante para que o infante assuma seu desejo de ler. Quanto mais se lê mais vontade, ao longo do tempo, se desenvolve, projetos por parte do governo para as crianças menos favorecidas também é um farol a clarear as idéias.
Todo país que lê, que estuda e pensa luta pelos seus direitos. Todos que buscam o que…

Preguiça....

Imagem
Essa preguiça chegou sorrateira
levou minha carteira e meus documentos  também não tenho mais nenhum vintém levou minha virtude de escrever e até mesmo de ler eita preguiça danada subiu, escalou a escada e me fez dorminhoco nem escrevo com giz  está no pitoco preguiça de poetar é de amargar
Poeta Allan Garrido

Quando a porta se abre....

Imagem
" Quando uma porta se abre, as outras em complemento, se abrem ao mesmo tempo"  ( Poeta Allan Garrido)

Série Erótica - Passear

Imagem
Passear pelo teu corpo e arde de tesão a senda das descobertas  meu membro ereto  ejacula pensamentos em você no despejar do líquido uma surpresa em abundância e eu naquela ânsia de me encaixar  no teu corpo a esperar  o vai e vém gostoso da entrega gozar faz muito bem  e depois uma soneca

Série Vídeos - Diana Krall Live in Paris: I Love Being Here With You

Imagem

Amar é:

Imagem
Amar é:

voar mais alto

enxergar tudo mais claro

ver a beleza intrínseca das flores

enxergar o lado divino

ver o sol e a lua se unindo

ver a beleza do amanhecer

sentir enternecer....


Poeta Allan Garrido

Série Haikais - Esperança

Imagem
Esperança renovada 
                                 Que transborda 
                                                            No dia Vindouro......

Poeta Allan Garrido

Série Vídeos - Ivan Lins - Lembra de Mim

Imagem

Mãe Adotiva

Imagem
" Ser mãe adotiva é ser mãe duas vezes, pois o amor é distribuído com maior intensidade, suprindo a necessidade do abandono e tomando conta sem ser dono"

Poeta Allan Garrido

Série Homenagens - Dia das Mães

Imagem
Minha Mãe
Allan Garrido
Simplesmente amar É o verbo certo Para conjugar nesse glorioso dia Que se enche  de amor e alegria Mãe quando você fala O mundo todo se cala E os anjos  complacentes te admiram E de longe miram No teu esforço e dedicação Mãe tua voz é uma canção Que meus ouvidos nunca  querem deixar de ouvir Mãe me ensina a andar  no caminho Me aqueça no teu ninho Sempre que precisar Mae me deixe voltar Pois sou sua eterna criança Guardando a eterna lembrança De ninar Mãe se você soubesse Como teu amor me envolve Como encanto e dissolve Todas minha dúvida e indagações Me retira todas as aflições Pois basta um doce chamado E eu me desfaço de meu reinado Pra correr feito menino ao teus braços E juntos formarmos eternos laços...

Série Vídeos - Joao Bosco - Papel mache

Imagem

Série Crônicas

Imagem
Aninha no país encantado

por Allan Garrido 
Era uma vez uma linda menininha que morava num país encantado, lá havia doçura por todo lado, a casinha feita de chocolate, as portas de um doce gostosinho, as nuvens no céu de algodão doce e seu coração brilhava mais que o sol feito dum lindo caramelo. Ela era amiguinha de Roy e John dois castores espertinhos , gênios na matemática, serelepes eles ficavam quando estava perto de Ana. Ela, hoje, acordou com muita sede e logo foi ao riacho de águas limpíssimas se refrescar, olhando para a borboleta cor anil perguntou: - Linda borboleta como podes ser tão bela assim? E a Borboleta respondeu: - Por que sou livre e tenho a liberdade almejada, doce e sagrada escolhida pra ser feliz sou filhada natureza de nome e raiz.. Maravilhada Aninha respondeu: - Ah!!! Que bonitinha , queria eu mergulhar na tua liberdademas estou com medo do meu papai e da minha mamãe brigam tanto comigo, não me deixam fazer nada...... Os dois castores interrompem: - um mais dois igual…

Série Vídeos - Chico Buarque - Eu Te Amo (Carioca Ao Vivo)

Imagem

Série Áudio Programa Pura Poesia- Quadro Momento de Paz

Imagem

Série Downloads em Power Point -Livrinho do Amor

Imagem
Livrinho com alguns pensamentos, frases e poesias de minha autoria, baixem e repassem para todas pessoas que você gosta e que não gosta também pois assim você pode convencer eles de que o amor vale a pena sempre!!!



http://www.4shared.com/document/eWZHJqfa/Livrinho_do_Amor.html?

Série Grandes Poetas - Vinicius de Moraes

Imagem
fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Vinicius_de_Moraes
Vinicius de Moraes

Marcus Vinitius da Cruz e Mello Moraes[1](19 de outubro de 1913 — Rio de Janeiro, 9 de julho de 1980), o Vina, foi um diplomata,dramaturgo, jornalista, poeta e compositor brasileiro.
Poeta essencialmente lírico, também conhecido como "poetinha"[2][3], apelido que lhe teria atribuido Tom Jobim[4], notabilizou-se pelos seussonetos. Conhecido como um boêmio inveterado, fumante e apreciador do uísque, era também conhecido por ser um grande conquistador. O poetinha casou-se por nove vezes ao longo de sua vida e suas esposas foram, respectivamente: Tati de Moraes, Regina Pederneiras, Lila Bôscoli, Nelita de Abreu, Lúcia Proença, Cristina Gurjão, Gesse Gessy, Marta Rodrigues e Gilda de Queirós Mattoso.
Sua obra é vasta, passando pela literatura, teatro, cinema e música. No campo musical, o poetinha teve como principais parceiros Tom Jobim, Toquinho, Baden Powell, João Gilberto, Chico Buarque e Carlos Lyra.

Vid…