Série - O ALQUIMISTA - Parte 01

O ALQUIMISTA

por Allan Garrido 


Sadlands séc  X era de agito, a curiosidade à espreita, um raro e velho sábio inventara uma poção chamada Fragance. Altos comissários foram enviados para saber o que se passava com aquela fragância que deixava as mulheres loucas......até mesmo a parte de enorme ciência do reino de Sadlands queria entender qual magia rondava o frasco pequeno mas de enorme capacidade atrativa.
A rainha Margareth de cunho próprio decidiu mandar sua investigadora particular, uma bela e sensual mulher, loira, alta de corpo esguio avolumado quadril deixava os homens do reino loucos, e era , segundo a rainha, a mulher mais difícil de se conquistar. Na cabeça dela se a mesma fosse conquistada era por que a poção realmente funcionara. E segue Penélope, em trajes bem familiares, escondendo sua verdadeira vocação, erótica, e no centro adquire um frasco da poção Fragance. Voltando ao reino , Penélope a invés de entregar essa poção à rainha decide dizer que não achou o velho , cujo o qual , vendia o precioso líquido. A vontade de usar toda aquele líquido prometido, de se soltar ser sensual de vez, ser a mulher de todos escondia um ardente desejo sexual por trás da loira vultuosa. Sexo, sexo era o que pensava seu corpo em chamas pedia pelo toque alheio, era vontade de se entregar, de ser a rainha ela mesma, na verdade escondia um desejo narcisista de ser a melhor em tudo principalmente na cama....

Continua......



Comentários